Greve dos servidores do INSS tem início em Pernambuco
By Administrador On 13 jul, 2015 At 02:00 PM | Categorized As CUT Nacional | With 0 Comments

Os servidores do INSS de Pernambuco iniciaram, nesta sexta-feira, dia 10/07, greve por tempo indeterminado.  O movimento é nacional e integra a campanha salarial dos servidores públicos federais, que reivindica índice linear de 27,3% para o próximo ano, incorporação das gratificações; reestruturação das carreiras; concursos públicos, entre outros pontos. O Ministério do Planejamento propôs um reajuste de 21,3%, dividido em quatro anos: 5,5% em 2016; 5% em 2017; 4,75% em 2018 e 4,5% em 2019.

De acordo com o coordenador geral do Sindsprev/PE, José Bonifácio, 80% das agências localizadas em Pernambuco pararam; 30% da categoria continua trabalhando, como determina a lei, para manter o serviço essencial que é, principalmente, a realização de perícias médicas.

As informações que chegaram neste primeiro do movimento ao Sindicato apontam que estão paradas as agências executivas do INSS de Caruaru, Petrolina, Garanhuns e Recife. Em quase todas as agências da previdência social, os servidores estão mobilizados e organizando a paralisação.

Na manhã de hoje (10/07), os trabalhadores da APS da Avenida Mário Melo distribuíram carta aberta à população explicando os motivos que levaram a categoria a deflagrar a greve. A orientação dos grevistas é que só compareçam às agências quem tiver atendimento agendado, o que é feito através do telefone 135. Os usuários que não forem atendidos em função da paralisação terão seus compromissos reagendados.

A direção do Sindsprev recomenda que todos os servidores enviem ao Sindicato dados sobre a greve em seu local de trabalho e eventuais solicitações de material de divulgação da greve.

Desde a última terça-feira (07/07), os servidores do INSS estavam trabalhando em regime de operação padrão. O Governo Federal Agendou uma nova rodada de negociação para o próximo dia 21 de julho, mas as entidades representativas dos servidores, entre elas a CNTSS/CUT, querem antecipar esse encontro.

Assembleia decreta greve– O inicio da greve foi decidido em assembleia realizada na última segunda-feira (06/07), à tarde, no auditório do Sindsprev. Os servidores públicos federais em saúde e previdência social de Pernambuco aprovaram, por unanimidade, a greve por tempo indeterminado. A decisão foi tomada por mais de 150 participantes.

Na assembleia, os diretores José Bonifácio e Luiz Eustáquio, fizeram um balanço das negociações e mobilizações ocorridas até o momento, enfatizando que o governo não apresentou nenhuma proposta que atendesse à nossa pauta de reivindicações.

” Começamos a discutir essas questões com o INSS e o Governo Federal há cinco anos e só ouvimos promessas. Reivindicamos a melhoria salarial, a criação de um plano de carreira para os servidores, a realização de concursos públicos e a melhoria das nossas condições de trabalho ” , afirma o Coordenador Geral do Sindsprev, José Bonifácio do Monte. Além da questão salarial, o Sindicato ressalta que o modelo de gratificações por metas batidas adotados no setor é condenável e preciso ser revisto. 

” Quando o servidor se aposenta, ele perde cerca de 40% do salário, já que grande parte da nossa remuneração é oriunda de gratificações por metas. Temos servidores aqui com mais de 70 anos que continuam trabalhando por causa disso ” , revela José Bonifácio.  

 




Fonte/extraído de: Greve dos servidores do INSS tem início em Pernambuco

comment closed