CNTTL e FNP repudiam possível “fusão” das Secretarias de Portos e Aviação
By Administrador On 28 set, 2015 At 07:00 PM | Categorized As CUT Nacional | With 0 Comments


Em nota, a Federação Nacional dos Portuários da CUT (FNP) e a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Transportes e Logística da CUT (CNTTL/CUT) manifestam preocupação com a possibilidade das pastas das Secretarias de Portos e Aviação serem unificadas, com a reforma ministerial, que será anunciada nesta semana pela presidenta Dilma. A notícia da possível fusão das duas pastas foi veiculada pela grande imprensa.  

A FNP enviou ofício (abaixo) à presidenta Dilma, no último dia 22, indagando que a Secretaria Nacional de Portos foi criada, na gestão do ex-presidente Lula, justamente para atender  de forma satisfatória toda demanda do setor, em razão que o Ministério dos Transportes não estava dando  conta naquela época dos avanços que passavam a economia nacional e as novas necessidades tecnológicas para os portos.

“Em pouco tempo, o Brasil e o mundo se congratulavam com a inovação trazida pela Secretaria, com os recordes de investimentos e movimentações de mercadorias que não ficaram restritos aos portos públicos, pois os terminais privativos também se beneficiaram da nova modalidade administrativa”, destaca o documento assinado pelo presidente da FNP, vice-presidente da CNTTL e diretor executivo da CUT, Eduardo Lírio Guterra.

O documento reforça ainda que a FNP se posiciona contrária à extinção da SNP e frisa que “os  cortes, ajustes e apoios financeiros” não podem ser a principal consequência da extinção direta da Secretaria, que caso isso aconteça, será prejudicial para a sociedade portuária nacional”.

Confira a íntegra do Ofício enviada à presidenta Dilma matéria na CNTTL/CUT

 




Fonte/extraído de: CNTTL e FNP repudiam possível “fusão” das Secretarias de Portos e Aviação

comment closed