CE: encontro debate questão de gênero nos planos de educação
By Administrador On 28 jul, 2015 At 06:00 PM | Categorized As CUT Nacional | With 0 Comments


A Federação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal do Estado do Ceará (Fetamce) convocou a sua base – trabalhadores, sindicatos filiados e coordenadores regionais – para o debate: “Identidade de gênero e orientação sexual nos Planos Municipais de Educação”. O evento, que acontece no dia 29 de julho de 2015, de 13h às 21h, pretende tratar da polêmica criada por parte do Legislativo, além de igrejas, que defendem a exclusão dos temas do planejamento e metas da educação de cada município.

A atividade acontece no Hotel Romanos (Rua Padre Pedro de Alencar, 2012 – Messejana, CE) e tem como convidados Alexandre Joca, professor doutor da Universidade Estadual do Ceará (UECE) e da Faculdade Latino Americana de Educação (FLATED), que é especialista em diversidade sexual na escola, e Francisco Pedrosa, presidente do Grupo de Resistência Asa Branca (GRAB), ONG que é pioneira nos debates de orientação sexual e de combate ao preconceito no Ceará.

Além deles, o encontro, que abre a série de seminários chamado de “Diálogos – Fetamce 25 anos”, contará com a presença de representantes do Fórum Estadual de Educação, que vão apresentar um panorama destas e outras metas do Plano Nacional de Educação (PNE).

Discussão da ordem do dia

Segundo Enedina Soares, presidente da Fetamce, a discussão está na ordem do dia. Ela, que é servidora municipal em Fortaleza e Caucaia, explica que as duas cidades onde atua excluíram, quando o projeto de reformulação dos planos foi para as Câmaras de Vereadores, a questão de identidade de gênero, atuando contra os interesses de centenas de pessoas que aprovaram a inclusão da demanda nas Conferências Municipais de Educação, que antecederam a tramitação dos projetos. “Aqui no Ceará há ameaça da proposta não passar também no plano estadual. Enquanto isso, oito estados já retiraram as referências à identidade de gênero de seus Planos. A mudança vai contra o entendimento de nós educadores e de especialistas, pois defendemos a escola como um local privilegiado para tratar de temas como este. Assim, a criança aprende dentro da sala de aula a respeitar a diversidade”, explica.

O que é identidade de gênero?

Segundo os movimentos sociais e especialistas que atuam na temática, a identidade de gênero faz referência a como nos reconhecemos dentro dos padrões de gênero estabelecidos socialmente.

Existem dois sexos, mulher e homem, e dois gêneros, feminino e masculino. Embora a maioria das mulheres se reconheça no gênero feminino e a maioria dos homens no masculino, isto nem sempre acontece. Falamos, então, de pessoas cujo sexo biológico discorda do gênero psíquico: são os travestis e transexuais, ou transgêneros. Outra detalhe, é que identidade não tem relação com orientação sexual, que é a forma como nos sentimos em relação à afetividade e sexualidade. São coisas completamente independentes.

Serviço
Diálogos – Fetamce 25 anos
Identidade de gênero e orientação sexual nos Planos Municipais de Educação
Data: 29 de julho de 2015
Horário: 13 às 21 horas
Local: Hotel Romanos (Rua Padre Pedro de Alencar, 2012 – Messejana)

 




Fonte/extraído de: CE: encontro debate questão de gênero nos planos de educação

comment closed